sábado, 17 de novembro de 2012

14. Big Girls Don't Cry



 - Sério Selena, não precisa de tudo isso, minha cabeça já está melhor. - eu falo fechando a porta do meu armário e caminhando no corredor ao lado de minha querida melhor amiga Selena Gomez, a garota que insiste que eu devo continuar usando aquelas ataduras em volta da minha cabeça e tomar um bilhão de analgésicos. 

 - Okay , okay, vou parar de insistir. Vou comprar meu lanche, você quer alguma coisa? - ela pergunta parando de andar e apontando para a cantina do colégio. Eu apenas nego com a cabeça e vou até a mesa dos meus amigos. 

Eu dou um suspiro e sento ao lado de Joe, que assim que me vê beija minha bochecha e entrelaça nossas mãos. Eu olho para o resto da mesa e vejo o Taylor sentando em cima da mesa conversando com Miley e Taylor Swift, Emily mostrando algo no seu novo iPod para Nick e Joe continua comendo seu lanche. 

 - Ei Demi, você perdeu o teste para intercâmbio que teve... - diz um pouco vaga Emily, como se estivesse querendo puxar um assunto, eu não percebo mas Emily troca olhares com Taylor Swift. 

 - tudo bem, eu estou praticamente fazendo um intercâmbio esse ano, vim de uma outra cidade para estudar aqui. - eu falo lembrando do dia que cheguei nessa cidade. 

Emily fica um pouco decepcionada e volta a olhar para seu iPod, Taylor swift que também estava olhando para mim desviou o olhar e voltou a conversar com Miley. 

O sinal toca e cada um vai para sua sala. Infelizmente na próxima aula todos meus amigos tem o horário diferente, fazendo eu ficar sem ninguém para conversar, mas como eu sei que o professor sempre atrasa, eu vou ficar uns minutinhos no meu armário. Ao abrir meu armário vejo um pequeno bilhete com folha de caderno arrancada, " Podemos conversar depois da aula em algum canto, somente nós duas. -Emily" 

Ao ler o bilhete, fico curiosa, o que será que ela quer falar comigo, apenas comigo... Será que eu fiz algo de errado? fu. E perdida nos meus pensamentos, eu nem percebo quando Sterling chega e se encosta no armário do lado. 

 - Sabia que é feio matar aula e não me chamar? - fala Sterling brincando com um pequeno sorriso no rosto. 

 - Tsh. Você acha que eu, Demetria Devonne Lovato, mata aula? Que coisa feia de pensar sobre sua amiga. Fiquei até chateada. Corta aqui. - eu digo fingindo estar emburrada, junto as duas pontas dos meus dedos esticados, como se estivesse fazendo uma ponte e fico colocando na frente do rosto dele para ele cortar.

Sterling ri da minha cara e ignora meu dedos, fazendo eu rir um pouco, mas logo parar e fazer uma cara de pensativa. 

 - Que bom que não cortou. Sterling... você sabe alguma coisa sobre esse teste que teve para intercâmbio? 

 - Você tá dizendo do que teve hoje? Bom, é algumas perguntas, como se fosse uma prova, perguntando do seu interesse, se você sabe outras linguas, essas coisas. Aí na hora a diretoria te chama, e o diretor conversa com alguns alunos sobre o intercâmbio que o colégio oferece, e talvez já falem até de preços e datas. Porquê? Tá interessada é? - pergunta Sterling curioso

 - Não não, eu nem fiz esse teste aí, era opcional, eu nem sabia direito sobre o que era. Só tava perguntando sobre curiosidade... - eu digo meio vaga, fecho meu armário e aceno para Sterling que vai indo para a sala dele e eu faço o mesmo. 

O resto das aulas passam, amém, e finalmente toca para a liberdade, quer dizer, para o fim das aulas. hehe. Na aula passada eu já tinha avisado ao Joe que vou me encontrar com as meninas, então fui logo procurando a Emily, mas ela não me esperava sozinha, ao seu lado estava a Taylor. Sem dizer muito nós três fomos para uma lanchonete. E depois de cada uma fazer seu pedido, e é claro que eu pedi milkshake de chocolate, elas começaram a falar. 

 - Demi, a gente quis falar com você, porque queremos conselhos, e você é a melhor pessoa para isso. - começa a falar Emily, e Taylor continua a conversa. - Sabe o teste de intercâmbio que teve hoje, então... - Taylor para sem conseguir falar, então Emily fala rapidamente de uma vez só - Eu e a Taylor fizemos, e vamos fazer intercâmbio para a França! - Emily bebe um pouco do seu refrigerante depois de ter falado rápido. 

Oh, legal, elas vão fazer intercâmbio, na França... Intercâmbio, na França.... França. AI MEU QUASE PADRINHO BIG ROB. 

 - Isso é a coisa mais feliz do mundo! Vocês vão para a França. Fuck, vocês vão para a a França. Isso é incrível! - eu digo meio histérica de felicidade, tem ideia como isso deve ser feliz? As duas ficam meio surpresas pela minha reação, acho que elas esperassem que eu rodasse a baiana e começasse a chorar, ou algo do tipo, acho que não foi dessa vez. 

 - Sério que você gostou? - fala Taylor espantada, - você não vai ficar triste ou chateada? - continua Emily a falar ainda incrédula com minha reação

 - Lógico que não garotas, isso é ótimo para vocês, visitar outro país, conhecer outra cultura. Não querendo dar uma de inteligente mas já sendo, isso vai ser ótimo para o futuro de vocês, outra língua e a experiência. - eu digo entusiasmada por elas, como se eu fosse viajar amanhã, é, eu gosto de sonhar...

 - A gente queria falar com você primeiro, porque não sabemos como contar para todos, e talvez você nos ajude a contar. O colégio falou que próxima semana já vai ser a viagem, vai ser tudo bem rápido, parece que o dono do colégio na França e da familia do dono do nosso colégio, então não vai precisar de documentos e blá blá blá. O Mitchel tem familia lá, então não vamos precisar ficar em dormitórios. Só que a gente não sabe se deve mesmo ir, eu já tinha pensado nessa ideia faz um tempo, e com essa oportunidade... eu não sei. - Emily diz tudo de uma vez, como se estivesse descarregando um fardo de suas costas, mas com uma cara confusa. 

 - Vocês tem que ir, é uma chance única. O pessoal vão ficar felizes por vocês, claro que sentiremos saudades, mas vocês vão voltar algum dia, eu espero. - eu digo sorrindo e segurando a mão de cada uma das duas, tentando confortar as duas.

Conversamos mais um pouquinho sobre o assunto, mais Taylor fala que tem que ir porque Lucas veio pegar ela para eles saírem. Eu e a Emily continuamos na lanchonete conversando e comendo. 

  - Demi, eu preciso te pedir um grande favor. - diz Emily  com um olhar triste

- Eu preciso que você cuide da Miley por mim, parece estranho falar assim, porque a Miley não é uma criança, mas muitos vezes ela se sente tão perdida, e eu sei que sem mim ela irá se sentir sozinha, por favor cuide dela por mim. Eu estou pedindo isso para você, porque Selena também tem muitos problemas e não é tão compreensível. Miley nunca contou para ninguém mas ela adora dançar, ela não é muito confiante, por isso não fala para ninguém sobre isso, apenas eu sei. Ajude ela com isso, e também com o Nick, você e eu sabemos como um gosta do outro. 

Emily para de falar e enxuga pequenas lagrimas que escorriam pela sua face, e sente os braços de Demi ao redor do seu corpo, ela retribui o abraço e as duas ficam uns minutos naquela posição.

- Pode deixar que eu cuido da Miley, ela também é minha amiga, é meu dever estar ao lado dela. - eu falo ainda abraçando Emily e percebendo como ela deve está se sentindo, principalmente com relação a Miley, já que as duas tem um laço de amizade muito forte. 

Depois desse momento, eu vou para casa pensando como será amanhã, o dia em que combinamos para elas contarem para o pessoal sobre a viagem, e também pensando que daqui a uma semana não verei mais aquelas duas... 

 - Mulher que demora é essa, a gente tava quase morrendo de fome, mas já pedimos pizza. - diz Taylor olhando para mim assim que eu entro na república, e depois volta a assistir tv com o pés em cima da mesinha de centro e comendo um pedaço de pizza com a mão. Ao lado Nick assiste tv e come pizza civilizado, muito diferente do Taylor. 

Vejo Joe na cozinha terminando de colocar o refrigerante no copo e vou até lá. 

 - Querido cheguei! - falo sorrindo jogando os braços nos ombros de Joe, e me soltando um pouco, fazendo meu peso ir para Joe, o mesmo que está com um copo numa mão, com a outra segura minha cintura, para ter mais segurança que eu não vou cair. Ele sorriu e me beijo, um beijo suave e profundo, que apenas Joe Jonas sabe. 

 - Eww, tem gente tentando assistir e comer aqui, pode ser? - fala Taylor fazendo uma cara de nojo.

 - Faz semanas que estamos juntos, seu boboca, acostume-se. - eu digo ainda segurando nos ombros de Joe e dando língua para o Taylor-boboca-que-ainda-não-se-acostumou-comigo-e-o-joe-juntos. 

 - Eu já me acostumei, mas não precisa ficar um engolindo o outro no meio na casa enquanto as pessoas civilizadas estão tentando ter uma refeição saudável. - fala o moreno como se estivesse falando a coisa mais inteligente da vida dele.

 - Primeiro não estávamos nos engolindo, e eu tenho certeza que você já fez coisa pior. Segundo, você é tudo menos civilizado... espera, você sabe o que é civilizado? E terceiro, eu tenho quase certeza que pizza e refrigerante não são a comida mais saudável sabe, eu só acho. - eu disse sentando no sofá ao lado de Joe e pegando um pedaço de pizza. 

Taylor faz uma cara feia, Nick e Joe dão uma pequena risada e nós voltamos ao nosso almoço 'saudável'. 

O resto do dia passa rápido, do mesmo jeito que a manhã também passa bem rápido. E depois do colégio todos vamos para a república das meninas, para o momento que eu gosto de chamar de "A hora da verdade, que todos vão descobrir que a Emily e Taylor vão fazer intercambio para a França, deixando todos com muita inveja, especialmente a Demi Lovato!"

Selena convidou David também para a conversa em grupo, tipo GRUPO, não que eu não goste dele, mas desculpa querido você não é do nosso grupo. Sim, eu sou Team Taylor, haha. Eu não tenho nada contra o David, mas Taylor é um dos meus melhores amigos, e eu sei como aquele cabeça dura gosta da Selena. Então, por causa da presença do David e Taylor no mesmo cômodo depois daquela 'pequena' briga, o clima agora tá meio tenso, espero que as menina comecem a falar logo.

 - Er, então... Eu e a Emily meio que vamos para a França. - diz Taylor gaguejando um pouco e com a voz trêmula pelo nervosismo.

Eu me levanto do sofá e fico batendo palmas e gritando "Yay" ou "Uhu", só que no contexto era para todos se levantarem e baterem palmas, para comemorar a viagem delas. Mas na realidade foi assim, eu de pé batendo palmas e gritando sozinha, e todos as pessoas no cômodo com uma cara de nada tentando entender a situação. 

E quando eu finalmente decidi parar de gritar e me sentar, todo mundo começa a fazer milhões de perguntas ao mesmo tempo, fazendo eu não conseguir ouvir uma palavra. Esse pessoal é tudo rico, mas nessas horas parece gente pobre sem educação que não sabe falar um de cada vez, parece eu. 

Chega né, acho que passou tempo de mais e o pessoal não cala a boca. Eu me levanto, vou até a mesinha, pego um negócio de vidro, tipo aqueles enfeites de mesinha, sabe. E jogo o negócio no chão, quebrando-se em vários pedaços e fazendo um barulho que chama a atenção de todos, e finalmente todos calaram as bocas.

 - Finalmente silêncio nessa casa. - eu digo como se não tivesse feito nada, e se me fizerem pagar, vou mandar colocar na conta do Joe, porque não tenho dinheiro. 

Depois disso, Emily e Taylor começaram a explicar toda a história sobre o intercâmbio, já decididas que vão. Eu olho para Miley, e peço para todos os garotos saírem e deixarem nós meninas por um momento. Assim que os meninos saem da república, Miley solta todo o choro que estava segurando e abraça Emily, enquanto Selena que começa a chorar vai até Taylor e a abraça. Eu fico observando elas por um momento, até que uma música vem na minha cabeça.

 - Sabe que música eu lembrei agora... - eu falo quebrando o barulho do choro, e fazendo as quatro garotas olharem para mim.

Eu canto, mesmo sem música ao fundo, eu percebo que as garotas reconhecem a música.

And I'm gonna miss you
Like a child, misses their blanket
But I've gotta to get a move on with my life
It's time to be a big girl now

No último verso elas cantam comigo, nós 5 numa única voz, cantamos esse verso como se estivéssemos falando, não cantando, afirmando para nós mesmas.

And big girls don't cry

As 4 cantam com a voz mais baixa, repetindo as últimas letras da música.

Don't cry, don't cry, don't cry...

7 comentários:

  1. Ohh tão fofo!
    A cada capitulo eu me apaixono mais pela Demi,ela eh tão engraçada!
    Espero que o Tay e a Sel fiquem juntos logo,essa tensão entre eles está a me matar!
    ADOREI O CAPITULO!
    Espero pelo próximo!

    ResponderExcluir
  2. Peeeeerfeito ....Posta Logo Please.....

    Divulga pra mim

    http://quandovocmeolhanosolhos.blogspot.com.br/

    Kiss

    ResponderExcluir
  3. Selinho pra você no meu blog!! http://dothesamedreams.blogspot.com.br/2013/01/selinhos.html

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Estou postando uma nova fic, o que acha de passar lá e dar um olhada? :)
    Ficaria grata. wouldntchangeathingjemi.blogspot.com.br
    Bjs...

    ResponderExcluir
  5. Oiiii nova leitora!!!!!!!!!
    Bigadin por se tornar membro do blog http://demiejoeforever.blogspot.com.br
    Vou começar a ler sua fic do inicio bjinsss

    ResponderExcluir
  6. selinho > http://believe-in-yourself-2013.blogspot.com.br/2013/06/16.html#comment-form

    ResponderExcluir
  7. hey adorei a fanfic seguindo segue de volta?
    e seilá divulga Porfavor :3 kk
    garotassemclase.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir